Esporte | Internacional

Sexta-feira, 22 de Outubro de 2021

Aguirre reconhece frustração com empate do Inter, mas valoriza resultado: "Estamos no G-6"

Após sofrer o gol do empate nos acréscimos e deixar de somar dois pontos contra o Bragantino em jogo atrasado do Brasileirão na noite desta quinta-feira, o Inter perdeu a chance de ultrapassar um adversário direto na tabela. Mesmo assim, o resultado colocou a equipe pela primeira vez entre os seis times que se classificam à Libertadores do ano que vem.

Em sua entrevista coletiva após o duelo, o treinador Diego Aguirre reconheceu que pelas circunstâncias o resultado pode ser encarado de forma negativa. Mas assegurou que os jogadores e a comissão técnica seguem atentos para a sequência da competição.

– Estamos no G-6, é algo bom. Em outro momento será comemorado, mas não hoje. O time cresceu muito, vinha de cinco vitórias. Como estivemos tão perto (da vitória), dá essa sensação de frustração. Falamos que não temos tempo para chorar. Temos um jogo a cada dois dias. Teremos que transformar esta dor em rebeldia, atitude e determinação. Ganhar o próximo jogo. Não tem outra leitura. Temos que ser fortes e retomar a sequência de vitórias em casa – disse.

Outro ponto abordado por Aguirre foi a situação de alguns jogadores do Inter que relataram problemas físicos nos últimos dias. Rodrigo Dourado e Mercado foram poupados nesta noite. Durante o jogo, Patrick e Lindoso tiveram que ser substituídos por relatarem algum tipo de desconforto.

Globo Esporte